A inauguração oficial do auditório do escritório para o público interno, dia 16 de maio, contou com palestra seguida de sessão de autógrafos do Desembargador Túlio Martins e do Professor Cláudio Moreno, autores do livro “Português para Convencer – Comunicação e persuasão em Direito”. Exemplares da obra, que ajuda o leitor a dominar o idioma na área jurídica, foram distribuídos aos advogados e estagiários de Direito do escritório. 

O desembargador Túlio Martins também é jornalista e, como tal, integrante do Conselho de Comunicação Social do Tribunal de Justiça do Rio Grande do Sul. Enquanto o professor Cláudio Moreno é doutor em Letras pela Pontifícia Universidade Católica e mestre em Língua Portuguesa pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul.

Apresentados pelo doutor Marco Túlio de Rose, que não se furtou de enaltecer as qualidades intelectuais e profissionais dos escritores, o sócio fundador do escritório manifestou suas duas esperanças, antes de passar a palavra aos convidados: “A primeira, um pouco oportunista, é que todos vocês que leiam esse belíssimo livro, vocês todos e o escritório vão ganhar muito com isso, nós vamos melhorar a nossa capacidade profissional. Esta é minha primeira esperança. E a minha segunda é dirigida aos autores, no sentido de que eles se entusiasmem e não deixem morrer esta obra, tão difícil de ser encontrada.”

O doutor Túlio Martins lembrou que a ideia era a de fazer uma obra muito contemporânea,sem regras nem fórmulas, mas que fosse necessariamente agradável de ler, o que torna o livro autoexplicativo.

– Você escreve para convencer e persuadir, não para mostrar erudição. Sua cultura e seu saber jurídico se provarão com bons resultados no processo e não pelo número de vezes que você remeterá o leitor para o dicionário”, enfatizou o desembargador.

Já o professor Cláudio Moreno salientou que uma pessoa é capaz de escrever de dez maneiras diferentes, dependendo do momento.

– …. Portanto, não existe receita pronta, se eu estou em situação de desvantagem em um processo, eu vou falar de um jeito. Se eu estou em situação de vantagem eu vou falar de outro, se eu quero captar a simpatia do público, eu vou usar outra retórica.

Após a palestra, o desembargador Túlio Martins e o professor Cláudio Moreno receberam presentes do escritório, pelas mãos do doutor Cássio Vione. A sessão de autógrafos e o coquetel de encerramento da inauguração oficial do auditório ocorreu no salão de festas, que reuniu todos os colaboradores do escritório, além da presença da Dra. Liliana Veiga de Rose.